Como As Mulheres Realmente Enxergam Os Corpos Femininos

Pesquisa revela alguns dados esperados e outros surpreendentes // Montagem Time Modefica

Uma pesquisa recente feita pelo Refinery 29 com 1.000 mulheres trouxe alguns números bastante reveladores sobre como as mulheres enxergam o próprio corpo e o corpo de outras mulheres. Alguns dados são positivos e muitos outros nem tanto. Das entrevistadas, 49% disseram amar o próprio corpo enquanto 24% disseram ser indiferentes a ele e 26% afirmaram detestar o próprio corpo. Um número bastante considerável para um sentimento tão negativo.

Outro dado revelado pela pesquisa, e um que a indústria da moda deve ficar atenta, é que provar roupas é a segunda maior atividade que causa stress em relação ao corpo segundo 54% das mulheres que responderam o questionário. Antes do provador só está a praia, com 73%. Das mil mulheres, 39% afirmam comprar roupas online ao invés de pessoalmente só para evitar o stress do provador.

Apesar da metade das mulheres amarem seus corpos, 1 em cada 5 mulheres parou de fazer determinadas atividades por causa do seu corpo: 74% vão à praia com menos frequência e 38% fazem menos sexo. Essa percepção negativa do próprio corpo é massivamente impactada pelas mídias sociais (70%), depois família (50%) e conversa com amigas e amigos (49%).

Publicidade

Apesar de não ser nenhuma surpresa, a pesquisa mostra o quanto as pessoas são invasivas e fazem comentários sobre o corpo das mulheres – os primeiros comentários começam geralmente quando as meninas têm menos de 14 anos ou entre 10 e 13 anos. Comentários como “isso fica bom no seu tipo de corpo”, “você tem um rosto bonito”, “você tem certeza que vai usar isso?”, “você precisa de um pouco de carne nos ossos” e “você tem certeza que quer sobremesa?” foram apontados como os mais frequentes. Das mil mulheres entrevistadas, 68% já fizeram dieta e dessas, 71% fizeram dietas entre os 12 e 20 anos.

A pesquisa também serve para desmascarar um mito: as mulheres são mais duras com o próprio corpo do que com o corpo das outras mulheres. Os resultados mostram que 93% usam palavras positivas para descrever outras mulheres, 91% usam palavras positivas para descrever celebridades e 80% usam palavras positivas para descrever elas mesmas. É mais provável uma mulher elogiar o corpo de outra mulher do que falar positivamente sobre o próprio corpo.

O movimento em torno da aceitação do próprio corpo tem evoluído – 6 em cada 10 mulheres afirmam que há maior aceitação sobre diversidade de corpos. Entretanto, como mostram os números, ainda há muito a ser feito para as mulheres se sentirem bem com elas mesmas e o corpo não ser motivo de limitação, ansiedade e sentimentos negativos.

Gostou dessa matéria? Compartilhe.
Tags

.