Já Conhece A Baims? Maquiagem Natural, Orgânica, Vegana E Com Um Pé Na Moda

modefica-apresentado-por-baims

Maquiagem 100% natural, orgânica, vegana, livre de crueldade e com performance? A Baims (lê-se báims) tem. E não é coincidência que a marca surge bem no coração global dos orgânicos, naturais e do veganismo: a Alemanha. Luisa Baims, a mente por trás da marca, nasceu em Porto Alegre, mas se mudou para o Rio de Janeiro aos 3 anos. Publicitária, trabalhou nos bastidores da moda e da TV em programas como o GNT Fashion.

Há 16 anos, Luisa conheceu um alemão e trocou o Rio por Frankfurt. Foi por lá que ela começou a ter contato com cosméticos e produtos naturais, orgânicos e veganos. Atenta, foi acompanhando o crescimento desse mercado não só na Alemanha, mas mundo afora. Luisa estava 14 anos sem trabalhar, mas há 2 anos, com sua filha mais independente e entrando na adolescência, começou a sentir vontade de voltar à ativa.

“Eu sempre gostei de maquiagem, essa coisa de trabalhar na moda, backstage, camarim, modelo. Sempre gostei disso. Não saio de casa sem estar maquiada”, disse ela em tom descontraído. É por isso que quando olhamos para a Baims, sentimos um quê de luxo e de moda. Afinal, a Baims surgiu não só dessa vontade de criar algo novo de novo, com paixão, mas também desse saudosismo leve da época de publicitária de moda.

Bem do comecinho.

Em 2015, Luisa visitou a BioFach em Nürnberg e um mundo se abriu. Conheceu marcas, produtores e desenvolvedores. Nesse momento, ela pensava já em uma marca de maquiagens, mas ainda achava que a Alemanha seria seu primeiro mercado, afinal, ela estava lá. Mas seu marido insistiu que seria mais interessante lançar a marca aqui, um mercado em ascensão e com quase nenhuma variedade.

 

Os batons da Baims são nutritivos e as cores agradam das mais discretas até quem gosta de tons escuros e fechados. Os cremosos são o Nude Rosé e Berry. Para quem gosta de efeito matte as dicas são o Marsala, Vermelho Lush e Guava. Escolha o seu favorito aqui.
 

Foi pouco mais de um ano desenvolvendo tudo: produtos, empresa, certificações, regularização na Anvisa, embalagem, site e em agosto de 2016 a Baims estava pronta para ser lançada. Foi recebida no Brasil com muito entusiasmo pelo público. A variedade, as certificações Ecocert, Peta Cruelty-Free, Vegan e FSC, junto com as embalagens elegantes sem dúvidas foram amor à primeira vista.

Por que orgânico, natural e vegano?

Antes de qualquer coisa, é importante entender o motivo pelo qual muitas pessoas estão optando por cosméticos naturais, orgânicos e livres de crueldade – e o porquê muitas marcas estão surgindo com essas preocupações. Bem, nossas maquiagens do dia a dia estão carregadas de ingredientes sintéticos e o debate sobre o quanto eles são nocivos para nós é crescente. Muitos desses compostos já foram considerados disruptores endócrinos e possíveis agentes cancerígenos. Isso sem falar nos metais pesados. Maquiagens comuns também podem conter uma dose extra de crueldade, não só por conta dos testes em animais, como também por conter ingredientes de origem animal.

É por isso que você não pode dormir de maquiagem. Porque as maquiagens convencionais não são boas para o nosso organismo, nem para nossa pele. São ingredientes nocivos e que precisam ser removidos assim que possível. Por outro lado, dormir de vez em quando com maquiagens orgânicas e naturais não te oferece perigo algum, principalmente quando você encontra o produto certo para seu tipo de pele.

Além do mais, muitos dos ingredientes dos cosméticos convencionais também são nocivos para o meio ambiente – ao lavarmos o rosto e tirarmos os produtos, o que desce para o ralo, em sua maior parte não consegue ser tratado e vai parar em lagos e mares. É por isso, por exemplo, que animais aquáticos, inclusive os peixes dos quais muita gente se alimenta, estão sendo afetados por bactericidas como triclosan, amplamente usados em nossos produtos cosméticos.

Os essenciais: BB Cream 4 em 1 e iluminador
O que a Baims tem?

O mix de produtos é enxuto, mas já serve muito bem qualquer pessoa que gosta de maquiagem e também maquiadores: primer, 3 tons de BB Cream, 7 tons de base, 3 tons de base compacta, 2 tons de blush, 2 tons de corretivo, pó translúcido, bronzer, iluminador, 10 tons de sombra, 5 tons de batom, 2 tons de lipgloss, rímel e para finalizar, o queridinho de quem adora um cat eye, o delineador em gel. Te falamos que a relação da Luisa com a moda não era brincadeira, né?

Os reviews de quem usou já têm sido bastante positivos. A marca está agradando o público brasileiro com suas fórmulas ricas em óleos puros e ingredientes nutritivos, aliados à boa performance, não só de fixação e pigmentação, mas também por suas propriedades antienvelhecimento, antimanchas e anti-inflamatórias. E é claro que Luisa fica muito contente por ver todo o trabalho e empenho dando resultado.

Os produtos são feitos na Itália, em uma fábrica certificada, com fórmulas exclusivas para a Baims. São importados para o Brasil e envasados aqui – o que ajuda a marca a derrubar custos de importação e entrar com preços mais competitivos.

Outro destaque é a linha de pincéis, que, pelo menos por enquanto, é uma edição limitada. São 9 modelos a preços bastante competitivos, variando de R$ 26 a R$ 49. Todos veganos, feitos com cerdas sintéticas tecnológicas, e cabo com alumínio reciclado e bambu. Você pode conferir todos clicando aqui.

 

A linha de rosto da Baims é completa, com base líquida e compacta, bb cream, primer, corretivos, pó translúcido além de blushs, bronzer e iluminador. Você pode conferir todos os produtos para rosto clicando aqui.
 

Desmistificando preço, valores e custos.

“Aliás, Luisa, vamos ter que falar sobre preço”, falei para ela no nosso call via WhatsApp. Eu acompanhei muitos debates sobre preços e muitas dúvidas em até que ponto a Baims quer se colocar como uma marca de luxo e até que ponto realmente tudo o que ela oferece tem um custo diferenciado. “São as certificações, a importação, matéria-prima ou também é posicionamento de marca?”, questionei.

O primeiro ponto que Luisa trouxe foi a certificação. Por mais que as certificadoras não sejam empresas com fins lucrativos, as auditorias, a análise de papeladas, tudo isso tem um custo e quem paga por ele obviamente são as marcas. É por isso que produtos de beleza certificados são mais caros. Dai tem o custo das embalagens – que ela inclusive nos adiantou que está sendo repensado para suportar refil em produtos que são permitidos refil, e assim não só derrubar o valor do produto para clientes que querem comprar novamente, mas também por conta da preocupação com o meio ambiente e a questão do plástico.

A importação é outro ponto; por mais que os produtos sejam envasados aqui, o que é menos oneroso do que importar o produto pronto, os valores ainda pesam na conta. Soma-se a isso a estrutura de atendimento ao cliente que a Baims tem no Brasil: e-commerce, SAC, um pequeno centro onde os produtos são embalados e enviados. “Nós queremos ter a possibilidade de oferecer preços mais acessíveis, mas nossos custos são altos. Estamos pensando em como enxugá-los [como no caso das embalagens] e também contando com demanda. Quanto maior a demanda, mais conseguimos diluir custos”, explicou ela.

Nossos queridinhos: blush matte old rose e máscara para cílios all in one.
 

Falando em demanda, “podemos esperar um mix maior de produtos?”, me antecipei. Ela disse que sim, inclusive, que já estava com amostras – alguns aprovados outros não. Isso também deve acontecer conforme a Baims adentra o mercado alemão. Luisa está se preparando para expor na BioFach Nürnberg esse ano e está muito feliz de passar de visitante entusiasmada para expositora entusiasmada.

Para encerrar nossa conversa, eu perguntei para Luisa o que tinha mudado na vida dela pós-Baims; se a criação da marca e da empresa afetou ela de alguma maneira. “Com certeza”, afirmou ela prontamente. “A gente fica se perguntando até que ponto somos dignos de representar esse discurso”. Assim como a Baims, Luisa está se aprimorando, é um universo diferente e uma nova jornada. Então podemos esperar mais por vir enquanto vamos desfrutando do que já temos em mãos: maquiagem 100% natural, orgânica e vegana para todos os gostos.

A Baims é #vegan, #orgânica e #crueltyfree. Lembrando que o Modefica busca se unir só a marcas que estão fazendo diferente. Apoiá-las é também apoiar o Modefica.

Montagens: Time Modefica

Gostou dessa matéria? Compartilhe.
Tags

. . .