A Verdadeira Carne-Livre-De-Carne: Conheça O Impossible Burger

Comedores de carne duvidam que ele seja à base de plantas. Veg(etari)anos chegam até a se sentir mal ao experimentá-lo. O Impossible Burger não é sobre uma mistura de vegetais, é sobre ciência e 180 milhões de dólares investidos para criar o hambúrguer perfeito e substituir de uma vez por todas a opção à base de carne animal – ou pelo menos parte dela.

O Impossible Burger é o primeiro alimento da start-up californiana Impossible Foods, empresa cuja principal missão é combater a devastação ambiental causada pela pecuária. Baseada no Silicon Valley, a Impossible Foods arrecadou 180 milhões de dólares para pesquisas científicas, testes e lançamento do primeiro produto e chegou a recusar uma oferta de USD 300 milhões feita pelo Google.

Durante a Code Conference, que aconteceu na California, em Junho, a Impossible Foods apresentou seu mais novo produto e distribuiu diversos hambúrgueres para experimentação. Patrick Brown, o fundador e CEO da empresa estava lá para explicar como ele chegou nessa ideia.

Foi durante um sabático que o professor de bioquímica da Stanford começou a pensar sobre o consumo da carne de animais e suas consequências. “Eu conclui que, sem dúvidas, a maior ameaça para o meio ambiente em escala global é a utilização de animais para alimentos”, disse Brown. “Mas a única maneira que você pode fazer isso [substituir a carne] é por meio de uma abordagem de mercado e que implica na criação de um alimento que supera este mercado.”

Publicidade

Brown acredita que qualquer tipo de comida precisa de um pouco de tecnologia dentro de cada contexto. “Toda a história da comida tem sido natureza combinada com o engenho humano”, disse ele. “O pão não é algo que cai de uma planta.”

Do Que É Feito O Impossible Burger?

Ok, mas parece com carne, tem gosto de carne, mas não é carne nem mistura de vegetais exatamente. Do que ele é feito, então? O Impossible Burger é feito de uma mistura de trigo, proteína de batata e óleo de coco. No quesito nutrição, ao ser comparado ao hambúrguer de origem animal, o Impossible Burger tem um pouco mais de proteínas, zero colesterol, e algumas calorias a menos. Então nós estamos falando de 2×0 aqui.

Mas o que faz com que o Impossible Burger seja tão real, e tenha gosto e cheiro de carne e ferro, é um ingrediente encontrado no sangue, mas igualmente encontrado em plantas: o heme – um composto que contém ferro e forma a parte não-proteica da hemoglobina e de outras moléculas biológicas.

impossible-burger-vegan-ingredientes

Os ingredientes do Impossible Burger: Simples mas nem tanto // Reprodução

O heme usado pela Impossible Foods é extraído da leg-hemoglobina, que pode ser encontrada em grãos de soja. Mas para ser o mais ecológico possível, a colheita do heme é feita partir de levedura fermentada. Neille Bowles, que esteva na conferência californiana e experimentou o hambúrguer garantiu: “Os hambúrgueres crus parecem demais com carne. Se você ‘quebrar’ um deles quando estiverem cozidos, ele despedaça como um hambúrguer. Há uma espécie de sumo sangrento em cada mordida”.

O Impossible Burger estreou recentemente no Momofuku Nishi, em Nova Iorque. Quem estiver pela cidade, se programe para experimentar conferindo os horários de funcionamento do restaurante. E chegue cedo, as filas estão dando voltas no quarteirão.

O Futuro Da Carne-Livre-De-Carne

Há quem diga que não precisamos de versões de carne e queijo vegetarianas para viver bem e bem nutridos, e isso é totalmente verdade. Mas o que empresas como a Impossible Foods querem é atrair consumidores de carne que não abrem mão do bife, do hambúrguer, do frango…

impossible-burger-vegan-cru

Os hambúrgueres crus do Impossible Burger // Reprodução

“Você não vai fazer algo que agrada um amante incondicional de carne apenas misturando um monte de vegetais,” explicou Brown. “Então tivemos que fazer uma investigação profunda e molecular para entender o que explica as propriedades desejáveis [da carne] – textura, suculência, os aromas, como ele cozinha”.

O objetivo da empresa é entrar em restaurantes de fast-food com um preço relativamente acessível; e só de pensarmos no lado positivo dessa mudança nossos olhos brilham: o Impossible Burger usa 95% menos terra, 74% menos água, e produz 87% menos emissões de gases de efeito estufa do que um hambúrguer “tradicional”. Isso sem entrar na questão animal e o quanto substituir todos os hambúrgueres de grandes redes de fast-food aliviariam o sofrimento animal.

Publicidade

Entretanto, não pense que essa é a primeira e única iniciativa do tipo. A Beyond Meat já está no mercado americano há algum tempo com os produtos Beyond Chicken, Beyond Beef, e logo menos o Beyond Burger. A empresa promete entregar muita proteína, sabor, textura e até ‘sangue’ sem nenhum ingrediente de origem animal. Nos testes feitos à cega pela empresa, ninguém imagina que o produto é à base de plantas. Todos os produtos da Beyond Meat estão à venda no Whole Foods Market na seção de carnes.

frango-vegan-beyond-chicken

Prato preparado com Beyond Chicken da Beyond Meat // Reprodução

Assim como a Impossible Foods, a empresa de Ethan Brown, fundador e chefe executivo da Beyond Meat, conta com investimentos milionários e tem entre seus principais investidores Bill Gates. “Francamente, nós nunca dissemos que estávamos interessados em comida”, disse Randy Komisar, sócio da Kleiner Perkins Caulfield Byers, uma empresa de capital de risco que apoiou o Google e Facebook – e a Beyond Meat. “O que nos interessa são grandes problemas que precisam de soluções, porque eles representam grandes mercados potenciais e oportunidades fortes para a construção de grandes retornos.”

Em suma, a carne-livre-de-carne soluciona o problema ambiental ocasionado pela pecuária, alivia a exploração dos animais não-humanos, é capaz de reduzir problemas de saúde relacionados ao consumo de produtos de origem animal, como câncer e colesterol, e ainda garante mais terra para produzir alimentos vegetais para humanos que podem ser distribuídos igualmente pelo mundo, acabando com a fome mundial. Não conseguimos ver um ponto negativo nessas iniciativas.

Fotos: Cortesia Impossible Foods e Beyond Meat

Conheça e faça parte do Clube Modefica!
O Modefica é uma mídia independente que pensa moda, arte, alimentação e política para resiliência social e ecológica. Para manter nosso conteúdo aberto e acessível para todas as pessoas, nós precisamos da sua colaboração.
Gostou desse texto? Clique aqui e contribua com o Clube Modefica e ajude nosso conteúdo ir mais longe para amplificar a transformação positiva.
Gostou dessa matéria? Compartilhe.