Women Who Draw Quer Mais Publicações Ilustradas Por Mulheres

Ilustradoras de todos os estilos para todos os gostos no Women Who Draw // Reprodução

O Women Who Draw é uma iniciativa americana que nasceu como resposta ao baixo número de ilustradoras comissionadas nos grandes veículos de mídias e publicações do país. Lançado no final do ano passado, o site reúne trabalhos de mulheres do mundo todo, chegando em mais de 2.700 nomes. Por lá, é possível filtrar as artistas por localização, etnia, raça, religião e orientação sexual.

Tudo começou quando Julia Rothman notou que todas as capas de uma publicação proeminente haviam sido ilustradas por homens. Em sua coleção particular, de todas as 55 capas ilustradas de 2015, apenas 4 tinham sido assinadas por mulheres. Julia sabia qual seria a desculpa para essa falta de mulheres ilustradoras caso questionasse os profissionais do meio: “eu não sei onde encontrá-las”. Junto com sua colega, Wendy MacNaughton, ela criou o Women Who Draw, tornando impossível para publicações, editores e diretores de arte dizerem não saber onde procurar por artistas mulheres.

 


Entre as brasileiras, alguns nomes que conhecemos e já falamos por aqui como Paola Saliby, Bárbara Malagoli, Anna Mancini e Susana Mota // Reprodução

 

Há uma grande variedade de estilos e traços, incluindo meninas que fazem colagens e outros trabalhos de design. Para quem busca ilustradoras brasileiras, basta escolher South America e navegar nas opções. Não é possível escolher por país, mas ao clicar na ilustração, somos redirecionadas para o site, portfólio ou mídia social da ilustradora com todas as informações.

Para quem quer se inscrever, é bem simples. Basta seguir algumas regrinhas básicas e é preciso ter site ou mídia social. O Women Who Draw é similar a outros projetos americanos que funcionam como diretório aberto para consultas e pesquisas de profissionais como o Cartoonists of Color Database, the Queer Cartoonists Database e Writers of Color.

Se tiver dicas de sites brasileiros que tenham iniciativas parecidas, deixa o link pra gente nos comentários.

Gostou dessa matéria? Compartilhe.
Tags

.