O Que É Armário-Cápsula E Como Montar O Seu

Talvez você já tenha ouvido falar sobre armário-cápsula, talvez não. Hoje vamos falar desse conceito e como ele pode ser libertador para muitas de nós. Basicamente o armário-cápsula é um mini guarda-roupas composto por peças versáteis das quais você gosta muito.

O conceito de armário-cápsula, apesar de ter sido muito falado nos últimos dois ou três anos, não é tão recente assim. Em 1985, a estilista americana Donna Karan lançou a mais famosa coleção de peças essenciais, de maneira independente depois de 11 anos trabalhando na Anne Klein.

A coleção tinha 7 itens básicos e a proposta era facilitar a vida da mulher. Chamada de Seven Easy Pieces, Karan queria mostrar que com as peças básicas certas, uma mulher poderia alcançar o look que quisesse. Segundo à revista In Style, na época, a estilista explicou: “Muitas mulheres acham desconcertante combinar roupas. Elas descobriram maneiras rápidas de por comida na mesa, mas elas não sabem como alinhar um armário de maneira simples”.

Por mais que a essência criativa da moda seja oferecer opções que contemplem nossas múltiplas personalidades, para muitas mulheres a moda era (e ainda é) algo complicado e, mesmo com um armário cheio de roupas, a dificuldade de encontrar o que vestir – e se sentir bem dentro da roupa – sempre será um desafio. Sendo assim, nada mais justo que simplificar o guarda-roupa (e a vida) com apenas itens essenciais, mutáveis e mais minimalistas.

Publicidade

O armário de básicos de Donna Karan, por exemplo, era formado por um bodie preto, uma saia versátil, um par de calças confortáveis, uma jaqueta de alfaiataria, um suéter, uma camisa branca e uma scarf que pode ser usada de diversas maneiras. Com o passar dos anos a estilista acrescentou um vestido preto, um vestido para noites mais badaladas e uma jaqueta motorcyle preta. O bodie preto, inclusive, foi a peça que apareceu em todos os seus desfiles desde 1985.

dona-karan-1985

Modelos no primeiro desfile de Donna Karan usando seu famoso bodie // Reprodução

Nos últimos anos, o conceito de armário-cápsula foi retomado e vem aliviando o peso do vestir sentido por muitas mulheres, além de ser uma opção ótima para quem precisa segurar a compulsão por compras, fazer um detox de fast-fashion ou simplesmente fazer as pazes com o próprio armário.

A guru moderna do tema é a consultora Caroline, do blog americano Unfancy. Em 2014 ela resolveu apostar no armário-cápsula como alternativa ao armário cheio de roupas baratas e que emanava a sensação de “não tenho nada para vestir”. O armário-cápsula de Caroline tem 37 peças e ela se limita a comprar apenas 2 ou 3 peças novas por estação.

COMO MONTAR O SEU

Há alguns passos a serem seguidos se você está pensando em montar um armário cápsula. O primeiro deles é fazer uma limpa no seu guarda-roupa deixando de lado peças que você não usa mais, guardando temporariamente peças que você não tem certeza e escolhendo cerca de 30 itens que você gosta e usa.

Depois disso é viver com esses itens por 3 meses, sem comprar nenhuma peça de roupa. As compras só serão feitas depois de passado esse tempo, você ter entendido o que precisa comprar e o que não precisa e ainda ter entrado em contato com seu estilo real.

É importante ressaltar que um armário-cápsula idealmente deve ser composto por peças duráveis e mais minimalistas, mas pode sim ter cores, estampas e não necessariamente precisa contar apenas com cores neutras. Vai depender do estilo de cada um. Também não há nada de errado em comprar alguma peça de tendência contanto que ela realmente tenha a ver com você.

armario-capsula-unfancy

Parte do armário-cápsula da Caroline, do Unfancy // Reprodução

Também é preciso lembrar que você não deve, jamais, se desfazer de tudo o que tem e comprar tudo novo para começar um armário-cápsula. Comece com o que você já tem e, enquanto isso, junte uma graninha para comprar peças de melhor qualidade. Nesse meio tempo também se informe e leia sobre o tema em diferentes fontes. No Brasil, temos a Gabi Barbosa, consultora de estilo, fundadora do blog Teoria Criativa e do grupo “Em busca de armário-cápsula” no Facebook.

Outra regra de ouro é que não é necessário se ater demasiadamente a regras ou números. A experiência do armário-cápsula é desenvolvida com o tempo e, principalmente, conforme você for identificando e desenvolvendo seu estilo pessoal. O armário-capsula precisa te dar mais prazer e liberdade do que ansiedade e inquietação.

PEÇAS ESSENCIAIS PARA UM ARMÁRIO-CÁPSULA

Um armário-cápsula deve conter basicamente um mix de bottoms (saias, calças e shorts), tops (blusas, regatas e camisas), casacos (jaqueta, blazer e trenchcoat), sapatos (sapatilha, bota e sandália) e bolsas (de todo dia, fim de semana e noite). Joias e maquiagem não contam, porém a dica é expandir o conceito ‘menos é mais’ para todos os âmbitos – da vida.

Atenção aqui! Tudo deve ser pensando para o seu estilo de vida – o armário-cápsula de quem é frequentadora da noite vai ser diferente de uma mulher que trabalha em um escritório e passa os fins de semana na praia, por exemplo.

Publicidade

Em algumas marcas, montar um armário-cápsula é muito mais fácil. No começo e enquanto você ainda descobre seu estilo e não deve arriscar muito, a dica é que você procure marcas que manjam do assunto e façam peças mais minimalistas e pensadas para um armário-cápsula. No Brasil temos Lina Dellic, a Minimal, a Iara Wisnick, a Suia, todas fazendo peças mais minimalistas e que se encaixam bem no conceito.

Na hora de escolher, dê preferência para tecidos naturais como algodão e linho, e artificiais, como a viscose, por serem fibras mais adequadas ao calor brasileiro e que permitem a pele respirar, não causando desconforto. Vale ficar de olho não só na qualidade, caimento e modelagem da peça, como também na qualidade do tecido, porque quanto mais durável, melhor.

Abaixo, garimpamos peças apaixonantes por aí e te ajudamos a entender como montar o seu próprio armário-cápsula.

1. Saia Versátil

Uma peça para deixar as pernas de fora e num comprimento confortável: vai do trabalho sério da semana ao passeio de fim de semana e com um salto fica bem para o jantar à noite. Nós conseguimos imaginar vários looks com ela.

saia-lina-dellic-3

Produto Patrocinado: Saia Expressiva na Lina Dellic
#vegan #feitonoBrasil #mulheresnamoda #modaconsciente

2. Top 10 Em 1

Nada melhor do que ter várias versões em uma peça só e são poucas as modelagens que conseguem fazer isso com maestria. Não à toa, o playsuit é uma das peças mais famosas da Wymann, agora em versão cropped.

playtop-wymann-2

Playtop Wymann na Os/On
#feitonoBrasil #vegan #mulheresnamoda

3. Calça Confortável

Uma calça de alfaiataria mais desposada é peça chave para um armário-cápsula. E dá pra fugir do preto apostando em uma cor fechada, mas igualmente versátil.

calca-krya

Calça Cognac na Krya
#feitonobrasil #vegan #mulheresnamoda

4. Vestido Da Noite

No armário-cápsula também tem que ter um pretinho básico para ocasiões como jantares, festas e eventos. E o melhor, um vestido elegante não necessariamente precisa ser caro. Lembre-se de escolher uma modelo não só que você goste, mas que você se sinta bem usando e seja confortável.

vestido-vintage-preto

Vestido Veludo no Caixa Vintage
#vegan #segundamão

5. Suéter Meia-Estação

Publicidade

Ter uma blusa para temperaturas de meia-estação e que pode aguentar temperaturas mais frias com a ajuda de um casaco é essencial para quem vive nas cidades brasileiras onde as temperaturas baixam. Se você não tem um suéter, mas tem uma meia malha ou um moletom mais ajustado, eles podem funcionar também.

blua-preta

Blusa Tricot Shieldmaiden na Mais Alma
#vegan #feitoamão #feitonoBrasil #reciclado #modaconsciente #mulheresnamoda

Confira mais peças que podem compor um armário-cápsula na galera abaixo.

[Looklink – Widget Vitrine #75070 – BEGIN …

… END]

Imagem Capa: Reprodução

Gostou dessa matéria? Compartilhe.
Tags